A ti, deixo-te tudo
 só não te deixo tudo o que sonhei
 porque é lá que vou viver,
 só não te deixo as vozes dos que me são queridos
 porque com eles quero falar depois,
 só não te deixo as imagens dos meus filhos
 porque terão lugar no lugar da minha cegueira,
 só não te deixo os sons que me comovem
 porque preciso de cor no fim de tudo.
 Ficarás com tudo o que era meu
 só não ficarás com as minhas mãos
 porque de tanto procurarem nunca se encontraram,
 só não ficarás com o meu olhar
 porque só eu sei de onde vem a minha luz,
 só não ficarás com a minha voz
 porque repetidamente direi o meu nome, 
 só não ficarás com a minha angústia
 porque a guardarei como sabedoria.
 Mas a ti,
 deixo-te tudo.


6 comentários:

  1. Um pouco trágico mas bem escrito o ooema
    Gostei

    ResponderEliminar
  2. Dramatically but after the storm there will be a smile and sunshine.

    ResponderEliminar
  3. um pouco de desassossego,mas que se recorde com saudade o que alguem nos deixa.
    nunca com tristeza nem mágoa.
    ;)

    ResponderEliminar